graus-do-ceratocone-e-tratamento-em-curitiba
  • 5
  • 0

Muitas vezes o paciente, portador do ceratocone, só descobre a doença quando ela já está em um estágio mais avançado, causando dificuldades para enxergar.

A doença, que começa na adolescência e se desenvolve até a fase adulta, possui estágios diferentes de evolução. São quatro fases de desenvolvimento da doença:

1º — Leve: quando os problemas de visão e os erros refrativos estão diminutos.

2º — Moderado: A capacidade de enxergar começa a ficar afetada, havendo a percepção também dos sintomas causados pelos problemas de refração.

3º — Grave: Nestes casos o uso de lentes e óculos para melhorar a córnea já não são mais satisfatórios, sendo recomendado procedimentos para conseguir evitar a piora para o estágio seguinte, ou procedimentos para a melhora da visão ( ex.: Anel de Ferrara ou Anel Intracorneano)

4º — Muito Grave: Neste caso cirurgias que visam estabilizar a córnea já não são mais uma opção viável. O transplante de córnea é a melhor opção para estes casos.

Tratamento do Ceratocone em Curitiba

Em Curitiba realizamos procedimentos para todas as fases do ceratocone, desde as fases iniciais, para impedir que a doença evolua para estágios mais graves, bem como nos estágios mais avançados, com procedimentos como o transplante corneano ou anel de Ferrara .
Mesmo sendo possível um tratamento nos estágios mais avançados, quanto antes o paciente buscar auxílio médico, melhor será o resultado e menores as chances de complicação.

Para maiores informações acesse https://www.arturschmitt.com.br ou ligue 041 3075 2018.

Whatsapp: (41) 9.9269-1977

Dr. Artur Schmitt — Cirurgias Refrativas, Catarata e Ceratocone em Curitiba

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *